quinta-feira, 20 de setembro de 2007

Primavera

8h05 da manhã, uma gordinha entra na cantina com cara de desanimada e suspira. A "tia do lanche" pergunta:
_Uai Fulana, o que foi com você?
A gordinha responde: _Ah, fiz 30 anos né? Vou fazer o que?
E outro suspiro.
 
Eu, que estava no cantinho aproveitando meu café com pão, respondi em pensamento:
 
_Uai filha, vai continuar vivendo, né? Ou se mata, porque aí vão dizer que você morreu jovem!
 
É cada uma que eu escuto, vou te contar...
 

Um comentário:

nanda disse...

ah vai dizer que vc nunca se sentiu assim ao ver sua data de nascimento??!! hehehh fazer 30 anos não é a morte, desde que vc tenha vivido bem os 29 anos anteriores...